A Bioeconomia Azul para o futuro que queremos

A Bioeconomia Azul para o futuro que queremos 30/01/2023 Depois de anos esquecido na agenda política internacional, o Oceano tem vindo a ocupar, nesta nova década, um lugar de relevo cada vez maior, merecido e exigido face à realidade planetária atual. A Agenda 2030 das Nações Unidas definiu um Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS) dedicado especificamente ao Oceano. O ODS 14 é dedicado exclusivamente à conservação e uso sustentável do Oceano e deu o mote para uma nova era de estratégias, investimento, inovação e investigação numa área que nos é tão significativa. Mas o Oceano, com todas as suas atividades, é tão vasto e diverso que contribui para quase todos os ODS, de forma direta ou indireta. E esse reconhecimento global, da sua intrínseca relevância e potencial, tem vindo a aumentar exponencialmente na Europa, e em Portugal em particular, conduzindo a uma nova forma de desenvolvimento – mais sustentável e azul (e verde). O Plano Ecológico Europeu, a Estratégia do Prado ao Prato, ou ainda as Estratégias da Biodiversidade 2030 e da Bioeconomia são mais algumas das referências no plano Europeu onde o Oceano assume um papel de relevo. Em Portugal, a mais recente Estratégia Nacional para o Mar 2021-2030 (ENM2021-2030) é o instrumento de excelência da política pública para a gestão de um dos maiores ativos do país. Nesta nova versão, a saúde do ecossistema marinho surge como o pilar basilar para um desenvolvimento económico, social e ambiental de Portugal com os olhos postos num futuro que se deseja mais sustentável, e assente em conhecimento científico como mecanismo central de apoio à decisão. Mas arrisco a dizer que poucos portugueses conhecem verdadeiramente o Mar português em todas as suas dimensões e usos. E menos ainda são os que sabem qual o real valor do Mar hoje para Portugal e … Continue reading “A Bioeconomia Azul para o futuro que queremos”

O Plano Português para o Mar

O Plano Português para o Mar 30/12/2022 A História do nosso país tem-se caracterizado desde sempre pelo seu heroísmo e LER MAIS

Cultura Marítima versus Importância do Mar para Portugal

Cultura Marítima versus Importância do Mar para Portugal {algumas notas pessoais e breves dum “jovem” confrade marítimo}  31/10/2022 Sumário A LER MAIS

Barra de Aveiro (imagem Joao Goncalves)
Há Mar Portugal

Há Mar Portugal 08/03/2022 O tema do Mar é sempre apaixonante. Os Descobrimentos, datam de 1500. Há que honrar o LER MAIS

Terminal comercial e barcos de pesca local, convivem na Trafaria, perto da foz do Tejo (imagem João Gonçalves)
Portugal, a Economia, o Mar e o Futuro

Portugal, a Economia, o Mar e o Futuro 01/12/2021 A realidade atual da Economia Portuguesa Nas últimas décadas e, sobretudo, LER MAIS

Para uma história cultural das pescas

Para uma história cultural das pescas 01/01/2022 Os geógrafos que mais se interessaram pela vida marítima e pelas formas de LER MAIS

A Pirataria Marítima continua a flagelar a região do Golfo da Guiné

A Pirataria Marítima continua a flagelar a região do Golfo da Guiné 01/12/2021 A pirataria marítima continua a assolar a LER MAIS

De Mar a Pior

De Mar a Pior 31/10/2021 Não deixa de ser frustrante perceber e constatar que, quando finalmente se antevia um rumo, LER MAIS

Cold ironing no porto de San Diego (imagem Cody Hooven)
Da importância do COLD IRONING na poluição marítima

Da importância do COLD IRONING na poluição marítima 30-07-2021 As emissões poluentes dos grandes navios e a importância do ”Cold LER MAIS

O Plano Português para o Mar

O Plano Português para o Mar 30/12/2022 A História do nosso país tem-se caracterizado desde sempre pelo seu heroísmo e estreita ligação com o Mar. Foram tão enfáticos os nossos feitos e vitórias marítimas que, a primeira estrofe do Hino Nacional reproduz o testemunho desse que foi de longe nosso legado cultural. A nível estratégico, político e económico, e também sob ponto de vista bélico, o nosso povo esteve sempre na vanguarda dos Oceanos e do Mar. Assim, e sob ponto de vista histórico, soubemos aproveitar o Mar para novas rotas de comércio mundial (tendo sido mesmo o país pioneiro do multiculturalismo e da ideia de uma economia Global). Fomos também o primeiro país navegar “por mares nunca dantes navegados”, pioneiros na cartografia.  Inventámos a vela “latina” (ou triangular que ainda hoje é usada em praticamente todos os yachts e navios à vela). Atualmente, Portugal tem a 3ª maior zona económica exclusiva (ZEE) (1.727,408 km2 de área marítima, números da DGRM) da europa e existem planos para o alargamento desta mesma área para um total de 4.100.000 km2. Esta oportunidade deveria ser convenientemente aproveitada, pois trata-se de uma campanha que deve ser bem estruturada sob ponto de vista político e empresarial/laboral. Deverá ser feito um planeamento cuidado que nos permita a exploração correta do nosso Mar a médio e longo prazo e que garanta a sustentabilidade do mesmo. Existem grandes planos para o espaço marítimo português escritos em documento acessível na internet, que envolve uma lista de 185 medidas a serem cumpridas até 2030 e que foram aprovadas pelo Conselho de Ministros a 12 Agosto 2021 (sob o nome de “Plano de Ação da Estratégia Nacional para o Mar 2021-2030 publicado em DR”). Os 10 principais objetivos para a década são: Combate às alterações climáticas e a poluição e proteger … Continue reading “O Plano Português para o Mar”

A Bioeconomia Azul para o futuro que queremos

A Bioeconomia Azul para o futuro que queremos 30/01/2023 Depois de anos esquecido na agenda política internacional, o Oceano tem LER MAIS

Cultura Marítima versus Importância do Mar para Portugal

Cultura Marítima versus Importância do Mar para Portugal {algumas notas pessoais e breves dum “jovem” confrade marítimo}  31/10/2022 Sumário A LER MAIS

Barra de Aveiro (imagem Joao Goncalves)
Há Mar Portugal

Há Mar Portugal 08/03/2022 O tema do Mar é sempre apaixonante. Os Descobrimentos, datam de 1500. Há que honrar o LER MAIS

Terminal comercial e barcos de pesca local, convivem na Trafaria, perto da foz do Tejo (imagem João Gonçalves)
Portugal, a Economia, o Mar e o Futuro

Portugal, a Economia, o Mar e o Futuro 01/12/2021 A realidade atual da Economia Portuguesa Nas últimas décadas e, sobretudo, LER MAIS

Para uma história cultural das pescas

Para uma história cultural das pescas 01/01/2022 Os geógrafos que mais se interessaram pela vida marítima e pelas formas de LER MAIS

A Pirataria Marítima continua a flagelar a região do Golfo da Guiné

A Pirataria Marítima continua a flagelar a região do Golfo da Guiné 01/12/2021 A pirataria marítima continua a assolar a LER MAIS

De Mar a Pior

De Mar a Pior 31/10/2021 Não deixa de ser frustrante perceber e constatar que, quando finalmente se antevia um rumo, LER MAIS

Cold ironing no porto de San Diego (imagem Cody Hooven)
Da importância do COLD IRONING na poluição marítima

Da importância do COLD IRONING na poluição marítima 30-07-2021 As emissões poluentes dos grandes navios e a importância do ”Cold LER MAIS

Cultura Marítima versus Importância do Mar para Portugal

Cultura Marítima versus Importância do Mar para Portugal {algumas notas pessoais e breves dum “jovem” confrade marítimo}  31/10/2022 Sumário A “cultura marítima”, num contexto amplo, poderá ser aferida numa relação biunívoca com a “importância que o Mar tem para o País”, dado que a exiguidade da primeira poderá explicar um certo desconhecimento inconsequente da segunda e em sentido inverso, o materializar proveitoso dessa “importância” acarreta in fine a um maior aumento “cultural” e generalizado. A evitar sem dúvida, será o continuar duma situação rotulada de certa impotência, num país-nação desde o século XII, em poder beneficiar em pleno século XXI, de todas as vantagens resultantes das excelentes condições socio-geográficas intrínsecas marítimas e que tão poderosamente foram impulsionadas no século XV.   Introdução Muito, quase arriscaria dizer demasiadamente, tem sido escrito por doutos autores especializados nas diferentes matérias e especialidades que cobrem, diria este “jovem humilde confrade marítimo”, toda a problemática ligada aos 2 temas colocados em título. De um modo geral, ressalta que a maioria dos textos terminem sempre em perspectivas optimistas e de que os objectivos por alcançar, serão um dia atingidos. Nada de mal nisso et au passage fazendo bem ao “ego marítimo” de certa forma. Agora se até há pouco tempo, estas perspectivas eram encaradas com alguma displicência, “fazendo esquecer” a falta de alcance dos objectivos pretendidos, na actual fase de evolução das sociedades e respectivos mercados, quaisquer atrasos na realização desses mesmos objectivos, terá impactos maiores com perda fatal de oportunidades para outros concorrentes, concorrentes esses com potencial marítimo equivalente ao português. O tempo urge, pelo que os nossos actores mais relevantes na “coisa marítima” terão, de uma vez por todas, sair de zonas de conforto ou em poucas palavras: “sair do embarcadouro em dead slow, certo, mas, passadas as últimas bóias de enfiamento, navegar para … Continue reading “Cultura Marítima versus Importância do Mar para Portugal”

Barra de Aveiro (imagem Joao Goncalves)
Há Mar Portugal

Há Mar Portugal 08/03/2022 O tema do Mar é sempre apaixonante. Os Descobrimentos, datam de 1500. Há que honrar o LER MAIS

Terminal comercial e barcos de pesca local, convivem na Trafaria, perto da foz do Tejo (imagem João Gonçalves)
Portugal, a Economia, o Mar e o Futuro

Portugal, a Economia, o Mar e o Futuro 01/12/2021 A realidade atual da Economia Portuguesa Nas últimas décadas e, sobretudo, LER MAIS

Para uma história cultural das pescas

Para uma história cultural das pescas 01/01/2022 Os geógrafos que mais se interessaram pela vida marítima e pelas formas de LER MAIS

A Pirataria Marítima continua a flagelar a região do Golfo da Guiné

A Pirataria Marítima continua a flagelar a região do Golfo da Guiné 01/12/2021 A pirataria marítima continua a assolar a LER MAIS

De Mar a Pior

De Mar a Pior 31/10/2021 Não deixa de ser frustrante perceber e constatar que, quando finalmente se antevia um rumo, LER MAIS

Cold ironing no porto de San Diego (imagem Cody Hooven)
Da importância do COLD IRONING na poluição marítima

Da importância do COLD IRONING na poluição marítima 30-07-2021 As emissões poluentes dos grandes navios e a importância do ”Cold LER MAIS

Um país marítimo que não aproveita o mar

Um país marítimo que não aproveita o mar 30/04/2021 O mar é vital para os seres humanos e para o LER MAIS

Barra de Aveiro (imagem Joao Goncalves)

Há Mar Portugal

Há Mar Portugal 08/03/2022 O tema do Mar é sempre apaixonante. Os Descobrimentos, datam de 1500. Há que honrar o que herdámos. São inesgotáveis e desafiantes as inúmeras aplicações que o Mar nos proporciona. A “universidade” e os seus muito bem preparados alunos serão a mola impulsionadora.   Confesso que abordar o tema do Mar é-me sempre apaixonante, contudo ao fazê-lo sinto também o agridoce do seu sabor, pois andamos “há séculos” a tentar vender e alimentar a imagem que Portugal é um país de marinheiros, quando na realidade é um chavão fantasioso. Sou um jovem já com décadas no corpo e com o sabor do sal nele enraizado e assim quero senti-lo por muito tempo, na esperança de que as águas do meu país sejam reconhecidas por quem de direito e não seja a forma falaciosa de eludir a juventude, que aprendeu nos bancos da escola, que os Descobrimentos são e serão o ADN do crescimento do país. Foram!   Retrospectiva Os Descobrimentos, datam de 1500. Após ter nascido ouvi os feitos náuticos relembrados na Exposição do Mundo Português, …já sem fraldas, nos anos 60, com o avivar do memorial ao navegador Infante D. Henrique senti o cheiro do reviver essa Era do passado histórico, através da revitalização dos marcantes símbolos arquitectónicos lisboetas, cirurgicamente plantados à beira Tejo, …mais tarde, nos primeiros anos da escola, assisti anualmente à bênção da invejável frota de pesca do bacalhau, depois, já bem mais tarde, 1983, houve a XVII Exposição Europeia de Arte Ciência e Cultura, julguei, na altura, ser a hora de relembrar à namorada que se piscava o olho, CEE, o revigorar do passado e dos Descobrimentos, …nem fumo, não se passou nada! 1998, …aí sim, Portugal estava nas bocas do mundo, a Expo’98 era apresentada ao Universo como pioneiro do … Continue reading “Há Mar Portugal”

Terminal comercial e barcos de pesca local, convivem na Trafaria, perto da foz do Tejo (imagem João Gonçalves)
Portugal, a Economia, o Mar e o Futuro

Portugal, a Economia, o Mar e o Futuro 01/12/2021 A realidade atual da Economia Portuguesa Nas últimas décadas e, sobretudo, LER MAIS

Para uma história cultural das pescas

Para uma história cultural das pescas 01/01/2022 Os geógrafos que mais se interessaram pela vida marítima e pelas formas de LER MAIS

A Pirataria Marítima continua a flagelar a região do Golfo da Guiné

A Pirataria Marítima continua a flagelar a região do Golfo da Guiné 01/12/2021 A pirataria marítima continua a assolar a LER MAIS

De Mar a Pior

De Mar a Pior 31/10/2021 Não deixa de ser frustrante perceber e constatar que, quando finalmente se antevia um rumo, LER MAIS

O hidroptero de Enrico Forlanini, no lago Maggiore c. dezembro de 1910 (imagem colorida por AI hotpot.ai)
A «invenção da roda» no Mar

A «invenção da roda» no Mar Numa luta para minimizar o problema do atrito entre superfícies, como por exemplo entre LER MAIS

Cold ironing no porto de San Diego (imagem Cody Hooven)
Da importância do COLD IRONING na poluição marítima

Da importância do COLD IRONING na poluição marítima 30-07-2021 As emissões poluentes dos grandes navios e a importância do ”Cold LER MAIS

As superestruturas do LAURA S durante uma escala no porto da Graciosa em julho de 2017 (imagem MM Betencourt)
A Marinha Mercante Nacional

A Marinha Mercante Nacional 30-06-2021 Este singelo “depoimento” é, naturalmente, subjectivo, mas traduz o sentimento fruto de muitos anos de LER MAIS

O Cabo da Boa Esperança ou das Tormentas (Imagen de Robert Pastryk em Pixabay)
Contornar o Cabo das Tormentas

Contornar o Cabo das Tormentas 31/10/2020 Neste século XXI, nunca como agora, a economia portuguesa, em geral, e a Economia LER MAIS

“Portugal é um País de Marinheiros”

“Portugal é um País de Marinheiros” 30/05/2021 “Portugal é um País de Marinheiros” é uma afirmação muito usada e ouvida LER MAIS

Um país marítimo que não aproveita o mar

Um país marítimo que não aproveita o mar 30/04/2021 O mar é vital para os seres humanos e para o LER MAIS

A Força que vem do Mar

A Força que vem do Mar 31/03/2022 Em 2021 completaram-se 400 anos sobre a criação de uma Força Militar, destinada LER MAIS

Infante, o Navegador do futuro

Infante, o Navegador do futuro 30/04/2022 O Infante D. Henrique é uma das maiores figuras de Portugal, da nossa História LER MAIS

Terminal comercial e barcos de pesca local, convivem na Trafaria, perto da foz do Tejo (imagem João Gonçalves)

Portugal, a Economia, o Mar e o Futuro

Portugal, a Economia, o Mar e o Futuro 01/12/2021 A realidade atual da Economia Portuguesa Nas últimas décadas e, sobretudo, nesta primeira década do Século XXI, a economia portuguesa tem-se debatido com um problema estrutural: uma grande incapacidade de crescer economicamente. E este é um problema “pai” de muitos outros. O crescimento económico e a consequente geração de riqueza e bem-estar são fatores económicos e sociais determinantes no mundo globalizado atual. O momento que vivemos, com a pandemia, o novo enquadramento europeu e as condições financeiras criadas para a retoma, constitui um momento histórico de mudança. Por isso, ou o aproveitamos ou o perdemos. Por sua vez, a sociedade portuguesa tem demonstrado, nos momentos de crise, uma resiliência invulgar. É uma das características do “ser Português”. Foi assim em momentos importantes da nossa história, antiga e recente: em momentos de grande pressão, tem conseguido encontrar, rapidamente, novos caminhos e desígnios nacionais. Estamos num desses momentos e esperamos que essa nossa característica se revele, uma vez mais. Portugal e o Mar Portugal fez-se com e pelo Mar. Com a revolução de 1383 e a governação de D. João I e os seus infantes, com as fronteiras terrestres definidas e a afirmação feita de independência face a Castela, o Mar constituiu-se como o grande conceito estratégico nacional, na altura. D. Henrique, Infante de Sagres, o Descobridor, foi o grande impulsionador deste novo conceito. O Mar representa 600 de uma história de 900 anos, para Portugal. A revolução de 1974 e, posteriormente, o novo conceito de Portugal na Europa veio, erradamente, fazer perder força ao Mar como o grande ativo estratégico nacional. Já neste final do primeiro quartel do Seculo XXI, Portugal acabou por perder os centros de racionalidade do sistema económico nacional, que tinham sido a base da estruturação da nossa economia, … Continue reading “Portugal, a Economia, o Mar e o Futuro”

Para uma história cultural das pescas

Para uma história cultural das pescas 01/01/2022 Os geógrafos que mais se interessaram pela vida marítima e pelas formas de LER MAIS

A Pirataria Marítima continua a flagelar a região do Golfo da Guiné

A Pirataria Marítima continua a flagelar a região do Golfo da Guiné 01/12/2021 A pirataria marítima continua a assolar a LER MAIS

De Mar a Pior

De Mar a Pior 31/10/2021 Não deixa de ser frustrante perceber e constatar que, quando finalmente se antevia um rumo, LER MAIS

O hidroptero de Enrico Forlanini, no lago Maggiore c. dezembro de 1910 (imagem colorida por AI hotpot.ai)
A «invenção da roda» no Mar

A «invenção da roda» no Mar Numa luta para minimizar o problema do atrito entre superfícies, como por exemplo entre LER MAIS

Cold ironing no porto de San Diego (imagem Cody Hooven)
Da importância do COLD IRONING na poluição marítima

Da importância do COLD IRONING na poluição marítima 30-07-2021 As emissões poluentes dos grandes navios e a importância do ”Cold LER MAIS

A Coleção Seixas do Museu de Marinha

A Coleção Seixas do Museu de Marinha Certamente quase todos os membros da Confraria Marítima de Portugal – Liga Naval LER MAIS

“O Futuro de Portugal está no Mar” – 120 anos da Liga Naval Portuguesa

Na viragem do séc. XIX para o séc. XX viviam-se os anos da “paz armada” que conduziu a uma guerra LER MAIS

As superestruturas do LAURA S durante uma escala no porto da Graciosa em julho de 2017 (imagem MM Betencourt)
A Marinha Mercante Nacional

A Marinha Mercante Nacional 30-06-2021 Este singelo “depoimento” é, naturalmente, subjectivo, mas traduz o sentimento fruto de muitos anos de LER MAIS

“Portugal é um País de Marinheiros”

“Portugal é um País de Marinheiros” 30/05/2021 “Portugal é um País de Marinheiros” é uma afirmação muito usada e ouvida LER MAIS

Barra do Porto da Ilha de Porto Santo (imagem João Gonçalves)
Portugal e o Mar

Portugal e o Mar 28/02/2021 Metade da fronteira portuguesa é marítima, num contexto em que o Mar ocupa cerca de LER MAIS

Cadetes do Mar de Portugal

Cadetes do Mar de Portugal 31/01/2021 Todos estamos a viver em Portugal um momento decisivo da nossa História de quase LER MAIS

NRP GAGO COUTINHO
O Projeto de Extensão da Plataforma Continental de Portugal

O Projeto de Extensão da Plataforma Continental de Portugal 01/01/2021 Para quem segue com alguma regularidade as notícias e desenvolvimentos LER MAIS

Para uma história cultural das pescas

Para uma história cultural das pescas 01/01/2022 Os geógrafos que mais se interessaram pela vida marítima e pelas formas de ocupação do litoral – Orlando Ribeiro, Suzanne Daveau e Raquel Soeiro de Brito, entre outros – cedo notaram que as pescas portuguesas evidenciam dois universos distintos: as pescarias da costa ocidental, moldadas por intercâmbios técnicos com o mundo Atlântico e por uma orla costeira desabrigada e muito exposta aos humores do Oceano; a sul, as pescas algarvias, uma mistura de heranças atlânticas e mediterrânicas, muito aberta às novidades andaluzas e catalãs. Historicamente, inovações tecnológicas tão decisivas como a introdução do vapor, os porões refrigerados ou os aladores mecânicos de redes passaram a distinguir as pescas entre si. Não apenas em função da distância dos pesqueiros em relação aos portos de origem (pescas locais, costeiras, do alto ou longínquas), mas também a partir do modo como se organizam os fatores de produção e as relações de trabalho a bordo e junto à costa (pescas artesanais ou industriais, conceitos muito ambíguos). As pescas e os pescadores ocupam um espaço saliente no imaginário português. A inclinação lendária da cultura portuguesa ora faz das pescas um epifenómeno das navegações e descobertas, ora as envolve num essencialismo antropológico que tende a representar as comunidades piscatórias como coletivos puros. Do século XVIII aos nossos dias, a mitificação do mundo das pescas e a mudança relacional entre as gentes da terra e do mar inibiram o entendimento das pescarias. Razões práticas multisseculares, mas nem sempre evidentes, explicam essa relativa marginalização: o peso esmagador da ruralidade na fisionomia da nação, salientado por historiadores como Charles Boxer, a reduzida expressão social das profissões marítimas, a irregularidade histórica das navegações e da empresa oceânica, a intermitência e as fragilidades do nosso “capitalismo marítimo”. No século XVIII, problemas de abastecimento de … Continue reading “Para uma história cultural das pescas”

As superestruturas do LAURA S durante uma escala no porto da Graciosa em julho de 2017 (imagem MM Betencourt)
A Marinha Mercante Nacional

A Marinha Mercante Nacional 30-06-2021 Este singelo “depoimento” é, naturalmente, subjectivo, mas traduz o sentimento fruto de muitos anos de LER MAIS

O hidroptero de Enrico Forlanini, no lago Maggiore c. dezembro de 1910 (imagem colorida por AI hotpot.ai)
A «invenção da roda» no Mar

A «invenção da roda» no Mar Numa luta para minimizar o problema do atrito entre superfícies, como por exemplo entre LER MAIS

De Mar a Pior

De Mar a Pior 31/10/2021 Não deixa de ser frustrante perceber e constatar que, quando finalmente se antevia um rumo, LER MAIS

A Pirataria Marítima continua a flagelar a região do Golfo da Guiné

A Pirataria Marítima continua a flagelar a região do Golfo da Guiné 01/12/2021 A pirataria marítima continua a assolar a LER MAIS

“O Futuro de Portugal está no Mar” – 120 anos da Liga Naval Portuguesa

Na viragem do séc. XIX para o séc. XX viviam-se os anos da “paz armada” que conduziu a uma guerra LER MAIS

Cold ironing no porto de San Diego (imagem Cody Hooven)
Da importância do COLD IRONING na poluição marítima

Da importância do COLD IRONING na poluição marítima 30-07-2021 As emissões poluentes dos grandes navios e a importância do ”Cold LER MAIS

“Portugal é um País de Marinheiros”

“Portugal é um País de Marinheiros” 30/05/2021 “Portugal é um País de Marinheiros” é uma afirmação muito usada e ouvida LER MAIS

Um país marítimo que não aproveita o mar

Um país marítimo que não aproveita o mar 30/04/2021 O mar é vital para os seres humanos e para o LER MAIS

Cadetes do Mar de Portugal

Cadetes do Mar de Portugal 31/01/2021 Todos estamos a viver em Portugal um momento decisivo da nossa História de quase LER MAIS

NRP GAGO COUTINHO
O Projeto de Extensão da Plataforma Continental de Portugal

O Projeto de Extensão da Plataforma Continental de Portugal 01/01/2021 Para quem segue com alguma regularidade as notícias e desenvolvimentos LER MAIS

O Cabo da Boa Esperança ou das Tormentas (Imagen de Robert Pastryk em Pixabay)
Contornar o Cabo das Tormentas

Contornar o Cabo das Tormentas 31/10/2020 Neste século XXI, nunca como agora, a economia portuguesa, em geral, e a Economia LER MAIS

O Mar no Plano de Recuperação e Resiliência
O Mar no Plano de Recuperação e Resiliência

O Mar no Plano de Recuperação e Resiliência 31/03/2021 Eu vou tomar como adquirido que o leitor está convencido que LER MAIS

A Pirataria Marítima continua a flagelar a região do Golfo da Guiné

A Pirataria Marítima continua a flagelar a região do Golfo da Guiné 01/12/2021 A pirataria marítima continua a assolar a região do Golfo da Guiné (GG) e não dá tréguas à navegação mercante que por aí passa diariamente. Este golfo está localizado na parte sudeste do Oceano Atlântico e as suas águas banham a Costa Ocidental de África, ao longo de cerca de 6000km, desde o rio Senegal, no Senegal, à foz do rio Cunene, em Angola. Nos últimos anos o GG adquiriu uma grande importância geoeconómica e geostratégica não só devido aos seus enormes recursos haliêuticos e de hidrocarbonetos, mas também por se ter tornado uma rota marítima de grande importância no transporte de produtos entre a África Central/Austral e o resto do mundo. Estima-se que diariamente cruzam as águas do GG cerca de 1500 navios. A insegurança marítima que se vem vivendo nesta zona nos últimos anos, fez despertar a atenção da comunidade internacional para esta realidade e, consequentemente, fê-la agir e aplicar um conjunto de medidas com o intuito de minimizar a atual situação. Esta região vem sendo assolada por uma miríade de crimes marítimos, dos quais se destacam, entre outros, a pesca ilegal, o contrabando, os tráficos de armas e de drogas, a pirataria marítima e os Assaltos à Mão Armada Contra Navios[1] (AMACN). Os dois últimos são, sem dúvida, aqueles que mais afetam a indústria marítima e, naturalmente, o comércio global. Apesar dos esforços que a comunidade internacional, em geral, e as organizações regionais e os Estados da região, em particular, vêm realizando no seu combate, a situação continua extremamente preocupante e está longe de estar resolvida. O número de atos de pirataria e AMACN tem-se mantido elevado ao longo dos últimos anos. Entre os anos 2000 e 2020 ocorreram 1073 ataques de piratas nestas … Continue reading “A Pirataria Marítima continua a flagelar a região do Golfo da Guiné”

De Mar a Pior

De Mar a Pior 31/10/2021 Não deixa de ser frustrante perceber e constatar que, quando finalmente se antevia um rumo, LER MAIS

O hidroptero de Enrico Forlanini, no lago Maggiore c. dezembro de 1910 (imagem colorida por AI hotpot.ai)
A «invenção da roda» no Mar

A «invenção da roda» no Mar Numa luta para minimizar o problema do atrito entre superfícies, como por exemplo entre LER MAIS

As superestruturas do LAURA S durante uma escala no porto da Graciosa em julho de 2017 (imagem MM Betencourt)
A Marinha Mercante Nacional

A Marinha Mercante Nacional 30-06-2021 Este singelo “depoimento” é, naturalmente, subjectivo, mas traduz o sentimento fruto de muitos anos de LER MAIS

“Portugal é um País de Marinheiros”

“Portugal é um País de Marinheiros” 30/05/2021 “Portugal é um País de Marinheiros” é uma afirmação muito usada e ouvida LER MAIS

“O Futuro de Portugal está no Mar” – 120 anos da Liga Naval Portuguesa

Na viragem do séc. XIX para o séc. XX viviam-se os anos da “paz armada” que conduziu a uma guerra LER MAIS

Cold ironing no porto de San Diego (imagem Cody Hooven)
Da importância do COLD IRONING na poluição marítima

Da importância do COLD IRONING na poluição marítima 30-07-2021 As emissões poluentes dos grandes navios e a importância do ”Cold LER MAIS

Barra do Porto da Ilha de Porto Santo (imagem João Gonçalves)
Portugal e o Mar

Portugal e o Mar 28/02/2021 Metade da fronteira portuguesa é marítima, num contexto em que o Mar ocupa cerca de LER MAIS

Cadetes do Mar de Portugal

Cadetes do Mar de Portugal 31/01/2021 Todos estamos a viver em Portugal um momento decisivo da nossa História de quase LER MAIS

NRP GAGO COUTINHO
O Projeto de Extensão da Plataforma Continental de Portugal

O Projeto de Extensão da Plataforma Continental de Portugal 01/01/2021 Para quem segue com alguma regularidade as notícias e desenvolvimentos LER MAIS

Para uma história cultural das pescas

Para uma história cultural das pescas 01/01/2022 Os geógrafos que mais se interessaram pela vida marítima e pelas formas de LER MAIS

O Cabo da Boa Esperança ou das Tormentas (Imagen de Robert Pastryk em Pixabay)
Contornar o Cabo das Tormentas

Contornar o Cabo das Tormentas 31/10/2020 Neste século XXI, nunca como agora, a economia portuguesa, em geral, e a Economia LER MAIS

MSC MAGNIFICA no terminal de passageiros do Porto de Leixões (imagem APDL)
O Mar

O Mar 01/12/2020 O mar como opção estratégica. Como opção estratégica porque o mar foi o nosso passado, mas é LER MAIS

De Mar a Pior

De Mar a Pior 31/10/2021 Não deixa de ser frustrante perceber e constatar que, quando finalmente se antevia um rumo, uma acção e uma vontade política de voltar a colocar o Mar, e todas as potencialidades que nele se “escondem”, no centro de uma estratégia nacional que levasse o País a redescobrir a sua vocação marítima, retirando em consequência as vantagens daí decorrentes, se andasse, qual caranguejo, outra vez um pouco mais para trás. Quero, desde já, esclarecer que nada me move contra o actual Ministro do Mar, nem tão pouco consigo ser critico da sua acção governativa, mas não deixo de constatar que no quadro da orgânica que este Governo encontrou para tratar do Mar, se cometeram erros, a meu ver, incompreensíveis, sobretudo por terem sido cometidos exactamente pelos mesmos que no governo anterior pareciam ter acertado na fórmula que pusesse, finalmente, o País a navegar. Com efeito, se como objectivo estratégico nacional se pretendia, e bem a meu ver, “ganhar” na ONU a nossa pretensão de extensão da plataforma continental para o dobro do que é actualmente o nosso território marinho, colocando Portugal no top 10 dos países com maior zona económica exclusiva a nível mundial, teria sentido, quando muito, agregar no mesmo Ministério todas as actividades que directa ou indirectamente somam mais peso ao nosso Mar. No entanto, vá lá saber-se porque entendeu o Governo enveredar por uma rota diferente, retalhando o Sector e todas essas actividades, redistribuindo a sua tutela por outros Ministérios, deixando desta forma o actual responsável político a nível ministerial com muito menos “Mar” para trabalhar do que aquele que a sua antecessora, que fez um trabalho valoroso, detinha. Já escrevi inúmeras vezes que quando se trata do Mar, enquanto activo estratégico, não faz qualquer sentido não agregar e abarcar todos os seus … Continue reading “De Mar a Pior”

O hidroptero de Enrico Forlanini, no lago Maggiore c. dezembro de 1910 (imagem colorida por AI hotpot.ai)
A «invenção da roda» no Mar

A «invenção da roda» no Mar Numa luta para minimizar o problema do atrito entre superfícies, como por exemplo entre LER MAIS

A Coleção Seixas do Museu de Marinha

A Coleção Seixas do Museu de Marinha Certamente quase todos os membros da Confraria Marítima de Portugal – Liga Naval LER MAIS

Cold ironing no porto de San Diego (imagem Cody Hooven)
Da importância do COLD IRONING na poluição marítima

Da importância do COLD IRONING na poluição marítima 30-07-2021 As emissões poluentes dos grandes navios e a importância do ”Cold LER MAIS

As superestruturas do LAURA S durante uma escala no porto da Graciosa em julho de 2017 (imagem MM Betencourt)
A Marinha Mercante Nacional

A Marinha Mercante Nacional 30-06-2021 Este singelo “depoimento” é, naturalmente, subjectivo, mas traduz o sentimento fruto de muitos anos de LER MAIS

“Portugal é um País de Marinheiros”

“Portugal é um País de Marinheiros” 30/05/2021 “Portugal é um País de Marinheiros” é uma afirmação muito usada e ouvida LER MAIS

Um país marítimo que não aproveita o mar

Um país marítimo que não aproveita o mar 30/04/2021 O mar é vital para os seres humanos e para o LER MAIS

Barra do Porto da Ilha de Porto Santo (imagem João Gonçalves)
Portugal e o Mar

Portugal e o Mar 28/02/2021 Metade da fronteira portuguesa é marítima, num contexto em que o Mar ocupa cerca de LER MAIS

Cadetes do Mar de Portugal

Cadetes do Mar de Portugal 31/01/2021 Todos estamos a viver em Portugal um momento decisivo da nossa História de quase LER MAIS

NRP GAGO COUTINHO
O Projeto de Extensão da Plataforma Continental de Portugal

O Projeto de Extensão da Plataforma Continental de Portugal 01/01/2021 Para quem segue com alguma regularidade as notícias e desenvolvimentos LER MAIS

“O Futuro de Portugal está no Mar” – 120 anos da Liga Naval Portuguesa

Na viragem do séc. XIX para o séc. XX viviam-se os anos da “paz armada” que conduziu a uma guerra LER MAIS

A Pirataria Marítima continua a flagelar a região do Golfo da Guiné

A Pirataria Marítima continua a flagelar a região do Golfo da Guiné 01/12/2021 A pirataria marítima continua a assolar a LER MAIS

Para uma história cultural das pescas

Para uma história cultural das pescas 01/01/2022 Os geógrafos que mais se interessaram pela vida marítima e pelas formas de LER MAIS

Cold ironing no porto de San Diego (imagem Cody Hooven)

Da importância do COLD IRONING na poluição marítima

Da importância do COLD IRONING na poluição marítima 30-07-2021 As emissões poluentes dos grandes navios e a importância do ”Cold Ironing” para mitigar o seu efeito, em porto. O Cold Ironing é uma nomenclatura actualmente usada, em inglês, para designar um sistema que esteve em uso no tempo dos navios com máquinas alternativas e turbinas a vapor. As expressões em inglês são fáceis de traduzir para os portugueses que, normalmente, entendem bem o inglês. Todavia, há uma que, embora seja um sinónimo idiomático, foge ao contexto e precisa, para alguns, de uma explicação. Cold Ironing, Shore conection, Shore-to-ship-power (SSP), Alternative Maritime Power(AMP) On Shore Powwer Supply (OPS), High Voltage Shore-Side Conection (HVSC). O Cold Ironing (CI) é o termo mais consensual para designar a tecnologia que vamos abordar. Era a ligação eléctrica de um navio a terra, quando atracado, para satisfazer as suas necessidades energéticas, com o fim de desligar as caldeiras. Desta forma, permitia a poupança de carvão ou nafta, que eram os combustíveis usados no tempo dos navios a vapor: os célebres “Vapores”. Este procedimento possibilitava, ainda, proceder aos trabalhos de manutenção preventiva ou correctiva. O apagar das caldeiras originava o arrefecimento da casa das caldeiras e da casa das máquinas, daí a denominação Cold Ironing, que basicamente significa “arrefecimento do ferro”. Nesses tempos, ainda não havia a preocupação da poluição. Era o tempo do vapor, a força motriz capaz de impelir os pequenos e grandes “Vapores”, cuja dimensão e prestígio se avaliava pelo número de chaminés de que estavam dotados. O seu número era em função das caldeiras instaladas, o que significava grande potência de máquina e, por sua vez, grande velocidade. Não havia o cuidado a ter com problemas ambientais. Para os observadores em terra, a fumaça que saía das chaminés dos navios, quanto mais abundante … Continue reading “Da importância do COLD IRONING na poluição marítima”

O Mar no Plano de Recuperação e Resiliência
O Mar no Plano de Recuperação e Resiliência

O Mar no Plano de Recuperação e Resiliência 31/03/2021 Eu vou tomar como adquirido que o leitor está convencido que LER MAIS

Um país marítimo que não aproveita o mar

Um país marítimo que não aproveita o mar 30/04/2021 O mar é vital para os seres humanos e para o LER MAIS

“Portugal é um País de Marinheiros”

“Portugal é um País de Marinheiros” 30/05/2021 “Portugal é um País de Marinheiros” é uma afirmação muito usada e ouvida LER MAIS

As superestruturas do LAURA S durante uma escala no porto da Graciosa em julho de 2017 (imagem MM Betencourt)
A Marinha Mercante Nacional

A Marinha Mercante Nacional 30-06-2021 Este singelo “depoimento” é, naturalmente, subjectivo, mas traduz o sentimento fruto de muitos anos de LER MAIS

MSC MAGNIFICA no terminal de passageiros do Porto de Leixões (imagem APDL)
O Mar

O Mar 01/12/2020 O mar como opção estratégica. Como opção estratégica porque o mar foi o nosso passado, mas é LER MAIS

Cadetes do Mar de Portugal

Cadetes do Mar de Portugal 31/01/2021 Todos estamos a viver em Portugal um momento decisivo da nossa História de quase LER MAIS

“O Futuro de Portugal está no Mar” – 120 anos da Liga Naval Portuguesa

Na viragem do séc. XIX para o séc. XX viviam-se os anos da “paz armada” que conduziu a uma guerra LER MAIS

O hidroptero de Enrico Forlanini, no lago Maggiore c. dezembro de 1910 (imagem colorida por AI hotpot.ai)
A «invenção da roda» no Mar

A «invenção da roda» no Mar Numa luta para minimizar o problema do atrito entre superfícies, como por exemplo entre LER MAIS

De Mar a Pior

De Mar a Pior 31/10/2021 Não deixa de ser frustrante perceber e constatar que, quando finalmente se antevia um rumo, LER MAIS

A Pirataria Marítima continua a flagelar a região do Golfo da Guiné

A Pirataria Marítima continua a flagelar a região do Golfo da Guiné 01/12/2021 A pirataria marítima continua a assolar a LER MAIS

Para uma história cultural das pescas

Para uma história cultural das pescas 01/01/2022 Os geógrafos que mais se interessaram pela vida marítima e pelas formas de LER MAIS

O Cabo da Boa Esperança ou das Tormentas (Imagen de Robert Pastryk em Pixabay)
Contornar o Cabo das Tormentas

Contornar o Cabo das Tormentas 31/10/2020 Neste século XXI, nunca como agora, a economia portuguesa, em geral, e a Economia LER MAIS