REGATA DE DISCOVERIES RACE | VERÃO 2019

A Regata organizada pela Cofradia Europea de la Vela pretende ser uma homenagem aos Grandes Países descobridores e aos territórios descobertos. Esta segunda edição decorrerá entre as cidades de Viana do Castelo, Cascais, Funchal e Las Palmas de Gran Canaria, entre 31 de julho a 14 de agosto de 2019. A DISCOVERIES RACE 2019 visa não só promover o intercâmbio desportivo, cultural e económico, mas também descobrir e desenvolver a compreensão e amizade entre amigos de diferentes nacionalidades, unidos por uma paixão comum: o Mar. A Cofradia Europea de la Vela vai promover e gerir o sucesso da DISCOVERIES RACE 2019 com o apoio de Patrocinadores, Colaboradores e Organizadores, bem como com a ajuda dos diferentes capítulos europeus e ibero-americanos que compõem a nossa organização. O troféu principal (Fernão de Magalhães) será atribuído ao participante que tenha efectuado a Regata completa, ou seja, todas as provas para cuja organização contamos com os seguintes Clubes e Associação: CLUBE DE VELA DE VIANA DO CASTELO (CVVC) CLUBE NAVAL DE CASCAIS (CNC) ASSOCIAÇĀO REGIONAL DE VELA DA MADEIRA (ARVM) REAL CLUB NAUTICO DE LAS PALMAS DE GRAN CANARIA (RCNGC) Todas as informações detalhadas podem ser encontradas clicando no link do PDF: Discoveries Race 2019 anuncio regata

55º encontro da Confraria Marítima de Portugal

A 8 de fevereiro de 1519, há 500 anos, Fernão de Magalhães já se encontrava em Sevilha. Para trás ficavam 40 anos duma vida muito agitada de marinheiro e soldado português. Agora, Fernão concentrava-se na preparação da sua expedição. Haveria de partir quase 8 meses depois, de Sanlúcar de Barrameda, na foz do rio Guadalquivir, a leste Huelva, no dia 20 de setembro.   Jantar debate "Fernão de Magalhães - V centenário da viagem de circum-navegação" Connosco tivemos o Dr. Manuel Villas Boas, familiar de Fernão de Magalhães e autor da obra «Os Magalhães - cinco séculos de aventuras, Editorial Estampa, 1998» Gastronomicamente fomos brindados com a excelente refeição confeccionada por cozinheiros da famosa escola da Marinha de Guerra Portuguesa. Um fabuloso jantar-debate que ninguém deveria perder. No centenário de Magalhães jantámos com um Magalhães!