54 encontro

Recordando o 54º Encontro (16 de novembro de 2018)

Recordando o 54º Encontro (16 de novembro de 2018) 01/01/2021 A Confraria Marítima de Portugal realizou o seu 54º Encontro no dia 16 de novembro, um jantar-debate realizado no restaurante da Associação Naval de Lisboa, junto ao rio Tejo, em Belém. Neste evento, que celebrou também o “Dia Nacional do Mar”, foram acolhidos cinco novos membros, uma Confreira e quatro Confrades, e teve lugar a palestra “Descarbonização, o desafio do século para o shipping. Impactos tecnológicos e sociais”, sendo orador o Confrade Prof. Engº Jorge Antunes. Na sessão, onde estiveram presentes mais de três dezenas de Confrades e seus convidados, iniciou-se com palavras do Presidente da Direção, V/Alm. Alexandre da Fonseca, que saudou os presentes, assinalou o sucesso da “Homenagem aos Velejadores da VOR” e informou que a firma TecnoVeritas, de que é CEO o Confrade Jorge Antunes, havia sido muito recentemente agraciada com um relevante prémio no Congresso “MotorShip”, em Hamburgo, o que suscitou uma salva de palmas da audiência. Em seguida foram entregues recordações da Confraria ao Presidente da Comissão Executiva da “Homenagem aos Velejadores da VOR”, Confrade Dr. Eduardo de Almeia Faria e à Dra. Mafalda Ribeiro da Cunha, que como “voluntária” se destacou na sua colaboração com a atrás mencionada Comissão Executiva. Antes do início do jantar foram acolhidos os cinco novos membros da Confraria, a saber, por ordem alfabética: Ghislain Fabre, Gonçalo Magalhães Colaço, Mafalda Ribeiro da Cunha, Mathias Heinrich Von Terner e Rui Manuel Reis. Cada um dos novos Confrades foi apresentado à assembleia pelo Presidente da Direção, após o que receberam o medalhão da Confraria com a respetiva fita azul e branca, que lhes foi colocado ao pescoço pelo Confrade que os patrocinou quando da proposta para a sua admissão. Receberam ainda um diploma de mérito, uma gravata (cavalheiros) ou lenço (senhora), de … Continue reading “Recordando o 54º Encontro (16 de novembro de 2018)”

Recordando o passeio no Barco Évora no dia 10 de junho de 2019

Conforme em tempo amplamente divulgado pela Direcção, a Confraria Marítima de Portugal realizou no passado dia 10 de Junho, Dia LER ARTIGO

“O Futuro de Portugal está no Mar” – 120 anos da Liga Naval Portuguesa

Na viragem do séc. XIX para o séc. XX viviam-se os anos da “paz armada” que conduziu a uma guerra LER ARTIGO

Aniversário dos 450 anos da Batalha de Lepanto evocado pela Confradía Europea de la Vela
Pormenor do quadro A batalha de Lepanto, autor desconhecido 159 (National Maritime Museum, Greenwich)

Aniversário dos 450 anos da Batalha de Lepanto evocado pela Confradía Europea de la Vela 28/02/2021 A conferência online, reuniu LER ARTIGO

Recordando o 10º Aniversário da Confraria Marítima

Recordando o 10º Aniversário da Confraria Marítima 20/04/2021 O tempo voa … e a “Confraria Marítima de Portugal” celebrou o LER ARTIGO

Confrade Rui Marcelino e a sua equipa da Almadesign vencem prémio internacional
O nosso confrade Rui Marcelino e imagens do interior do ALICE by Almadesign

Confrade Rui Marcelino e a sua equipa da Almadesign vencem prémio internacional 20/05/2021 Almadesign é responsável pelo conceito de design LER ARTIGO

A Confraria Marítima – Liga Naval Portuguesa reuniu a sua Assembleia Geral Ordinária.

A Confraria Marítima – Liga Naval Portuguesa reuniu a sua Assembleia Geral Ordinária. 26/05/2021 Na sala Dom Luís I, gentilmente LER ARTIGO

Dia Nacional do Mar

Neste dia decorrem várias iniciativas em Portugal tendo em vista mostrar a importância do mar para a economia e para o desenvolvimento nacional. A importância do mar O mar assume uma importância estratégica para Portugal, sendo um setor vital para a economia portuguesa e para o produto interno bruto (PIB). De acordo com dados divulgados em 2016, o mar português dá trabalho a 105 mil pessoas e representa uma riqueza anual de 8 mil milhões de euros. Origem da data: A celebração do Dia Nacional do Mar teve origem na “Convenção das Nações Unidas sobre o Direito do Mar”, que entrou em vigor a 16 de novembro de 1994. Portugal ratificou o documento em 1997. Esta convenção é muito importante, pois é a partir dela que são estabelecidos, entre outros, os limites marítimos inerentes à Zona Económica Exclusiva e à Plataforma Continental. Portugal é um país fortemente ligado ao mar, ficando marcado para a posterioridade como o país dos Descobrimentos marítimos. Neste dia pode visitar os Faróis, Belém e o Museu da Marinha, por exemplo, onde se realizam iniciativas especiais ligadas à data.